Síndrome de Estresse do Medial Tibial

Popularmente conhecida como “canelite”, a síndrome de estresse do medial tibial trata-se de uma inflamação do principal osso da canela, a tíbia, ou dos tendões e músculos da tíbia, podendo evoluir para uma fratura. Fratura por estresse geralmente causa uma dor contínua e restrita a um ponto. No caso de inflamação na região da tíbia a dor é sentida estendendo-se os dedos e realizando exercícios de impacto contra o solo. Dói ao pressionar a área. Fisiologicamente isso é uma inflamação nos tendões ou músculos da área. Em alguns casos a dor piora gradualmente durante a corrida, em outros melhora quando o corpo está bem aquecido, mas retorna ao final do exercício ou até assim que termina o exercício.

As principais causas que podem desencadear a síndrome são: - prática de esportes em terreno muito rígido - pronação excessiva dos pés - uso de calçados inadequados - jogar o peso do corpo para frente - fatores genéticos É comum em atletas que praticam futebol, tênis, ciclismo, corrida e ginástica olímpica. O tratamento para canelite é simples. Use bolsa de gelo de 15 a 30 minutos e antiinflamatórios não esteróides no começo da inflamação. Então trabalhe a flexibilidade: alongue antes e depois do exercício. Também massageie gentilmente o músculo respeitando sua tolerância à dor podendo utilizar um antiinflamatório tópico nessa massagem. Use gelo alternando com calor úmido, então submeta a musculatura à amplitude total de movimento.

Além de tratar é importante previnir. Dê preferência a tênis para atividades físicas flexíveis na parte frontal. Alongue antes e mais uma vez depois do exercício. Não se esqueça de fazer o desaquecimento frequentemente a parte do treino mais negligenciada. O exercício leve introduz sangue com seus nutrientes e acelera a extração dos produtos do desgaste do exercício intenso. Adicione 400 metros de caminhada no final e você também estará diminuindo o acúmulo sanguíneo pós-exercício que contribui para inflamação nos músculos. Molhe suas pernas com água gelada, coloque seus pés para o alto por cerca de 15 minutos enquanto se re-hidrata e desaquece, e então tome uma ducha e faça os alongamentos. O uso de palmilha ortopédica pode auxiliar no tratamento e na prevenção. Pratique esporte e cuide de sua saúde.

Voltar